quarta-feira, 17 de junho de 2020

Polícia investiga ameaça a turistas em rede social

A ameaça seria pra quem forem ao litoral do Piauí durante a quarentena.
A Polícia Civil de Luiz Correia, a 338 km ao Norte de Teresina, vai abrir investigação para apurar postagens no Twitter onde uma pessoa ameaça colocar fogo em veículos que se dirigirem às praias do município, furando a quarentena. A manifestação se deu após um internauta informar que hotéis da região estariam recebendo hóspedes. O Cidadeverde.com teve acesso aos prints da postagem.
Gente, quem quiser apoiar, pretendemos incendiar carros de turistas arrombados na entrada das cidades de acesso às praias do litoral do Piauí", diz uma das postagens.
"Rapaz, cadê o meu povo de Luís Correia que não tá ateando fogo em carro de turista", afirma outro trecho.
Segundo o delegado Maikon Kaestner, de Luiz Correia, o autor das postagens é natural do município, mas atualmente mora no Ceará. "Eu recebi esses prints ontem e instaurei o procedimento hoje. A gente iniciou uma investigação preliminar para identificar a pessoa e o próprio autor da postagem postou hoje uma retratação. Ele soube que a polícia ia entrar no caso e se retratou. Mas mesmo com a retratação, nós vamos apurar, saber a intenção e ele será ouvido", disse ao Cidadeverde.com.
Maikon Kaestner afirma que, mesmo com a retratação, a investigação vai prosseguir para que sirva de exemplo. "Terá a investigação e a gente vai fazer o procedimento para que sirva de exemplo. Provavelmente uma incitação ao crime. Estamos analisando a tipificação", declarou.
Na retratação, o internauta disse que ele e uma amiga foram irônicos nas postagens e que tudo não passou de uma brincadeira. "Eu e uma amiga estávamos sendo irônicos e fazendo piada com a situação. Fomos infelizes fazer piada com uma coisa séria, assim estou pedindo desculpas", disse.
O delegado tranquilizou a população e disse que não há nenhum caso concreto na região. Criticou este tipo de postagem que, segundo ele, tira a polícia do foco de investigações importantes. "Não tem nenhum caso de concreto. Foi uma brincadeira de mau gosto em um momento delicado que estamos passando. Uma outra pessoa chegou a divulgar que estava com a covid-19 e era mentira e depois teve que se retratar. Queremos deixar a população tranquila que não há caso", afirmou.
Maikon Kaestner reforçou que as praias de Luiz Correia estão fechadas e quem tentar burlar as medidas restritivas pode ser multado. "As praias estão fechadas, pessoas estão sendo multadas e quem tiver achando que vem pra praia, não vai", finalizou.
O Cidadeverde.com não conseguiu contato com o internauta pelas redes sociais.
Por Hérlon Moraes/cidadeverde.com

Related Posts

Polícia investiga ameaça a turistas em rede social
4/ 5
Oleh

Subscribe via email

Like the post above? Please subscribe to the latest posts directly via email.

Featured

Comments