Detentas de Parnaíba são atendidas durante a Semana Nacional da Defensoria Pública

As reeducandas da Penitenciária Mista Fontes Ibiapina, na Comarca de Parnaíba e da Penitenciária Feminina Regional de Picos- Adalberto de Moura Santos, foram inseridas na ação desenvolvida pela Defensoria Pública que visa traçar o perfil das mulheres assistidas pela instituição no Piauí.
Em Parnaíba, a aplicação do questionário, assim como o atendimento para informações processuais em relação aos procedimentos criminais abertos, fizeram parte do atendimento realizado pelo defensor público Leonardo Fonseca Barbosa, titular da 5ª Defensoria Pública regional de Parnaíba, nos dias 16 e 17 deste mês de maio. Em Picos, o trabalho foi coordenado pela defensora pública Maria Teresa de Albuquerque Soares Antunes Correia, titular da 5ª Defensoria Pública Regional de Picos.
Nas duas comarcas, a ação fez parte das atividades da Semana Nacional da Defensoria Pública, que transcorreu de 13 a 18 de maio sob a coordenação no Piauí da subdefensora pública geral, Carla Yáscar Bento Feitosa Belchior e em parceria com a Associação Piauiense de Defensoras e Defensores Públicos (Apidep). A Semana é uma iniciativa anual da Associação Nacional de Defensoras e Defensores Públicos (Anadep), com o apoio do Colégio Nacional de Defensores Públicos Gerais (Condege).
Em Parnaíba, o defensor Leonardo Barbosa realizou o atendimento e aplicação do questionário juntamente com os colaboradores, Nildamara Rodrigues Machado e Helvidio José Gonçalves Carvalho. Segundo ele foram atendidas todas as 41 mulheres que se encontram recolhidas na Penitenciária Mista Fontes Ibiapina. “Prestamos informações processuais e aplicamos o questionário padrão, que nos foi encaminhado pela Coordenadoria do Sistema Prisional e pela Subdefensoria. Percebemos que as reeducandas se sentiram bastante acolhidas, o que gerou um bem estar em toda a Unidade Prisional, que aliás nos recebeu muito bem. Avaliamos que a ação foi extremamente positiva e já planejamos uma atuação sistemática, a ser realizada todos os meses junto às reducandas, dessa forma estaremos cumprindo o nosso papel de possibilitar o acesso à Justiça e a educação em direitos às pessoas que, na maioria das vezes, têm na Defensoria Pública a única esperança”, afirmou.
Segundo a defensora pública Maria Teresa Correia, a ação desenvolvida pela Defensoria visa reiterar o trabalho que já vem sendo desenvolvido com as custodiadas de Picos, que são as presas provisórias e sentenciadas, no acompanhamento processual. “A ação também pretendeu aplicar um questionário que visava identificar as condições pessoais de cada uma a fim de melhor atender às suas necessidades e direitos”, disse.
O atendimento à população feminina das Penitenciárias aconteceu, durante a Semana Nacional da Defensoria Pública, também em Teresina.
Fonte: CCOM
Share on Google Plus

About Cleidiomar Sousa

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário

Comments

Featured