sábado, 1 de junho de 2019

Uma noite de arte e cultura celebrou no Teatro Municipal os 112 anos do Colégio das Irmã

 Medalha e diploma do Mérito Municipal; danças, apresentações teatrais e até a poesia e o canto de Carlos Pontes fizeram parte da solenidade da noite desta quinta-feira(30), organizada pela Prefeitura Municipal para comemorar os 112 anos do Colégio Nossa Senhora das Graças. O palco foi o do Teatro/Escola Municipal Francisca Cavalcante, recentemente inaugurado.
A diretora do Colégio das Irmãs, Irmã Maria Ivone Batista, recebeu a Comenda Municipal que foi conduzida pelo secretário da chefia de gabinete da Prefeitura, professor Israel Correia. A entrega foi feita pelo advogado e professor, Dr. Renato Bacellar, e pela primeira Dama do Município, professora Adalgisa Carvalho de Moraes Souza.
Em agradecimento, a diretora do Colégio, Irmã Maria Ivone Batista, falou da honra pela tão significativa homenagem, no momento em que o Colégio Nossa Senhora das Graças está em festividades. “É com muita alegria e gratidão a Deus e também às autoridades da nossa cidade, que agradecemos pela belíssima homenagem que hoje recebemos, pelos 112 anos de serviço prestado em nossa cidade, sempre oferecendo um ensino de qualidade aos seus cidadãos, pautada na Pedagogia Saviniana. Hoje no aniversário do nosso Colégio, queremos compartilhar a felicidade de poder celebrar o acolhimento com que o povo parnaibano sempre nos deu e acreditou na nossa filosofia educacional”, disse.
A irmã Maria Ivone finalizou agradecendo o reconhecimento por parte das autoridades parnaibanas, representadas na pessoa do prefeito Mão Santa. Após, seu pronunciamento, foi feita uma apresentação homenageando a Mãe do Colégio Nossa Senhora das Graças, com música Ave-Maria, que foi interpretada por professores e alunos da instituição.
Teve ainda o depoimento por parte do ex-aluno e advogado Roberto Cajubá; em seguida a professora Maria Cristina de Moraes Sousa Oliveira se pronunciou. Ela contou um pouco sobre suas experiências e convivências, quando atuou como educadora no Colégio.
As apresentações artísticas iniciaram com o poeta e escritor Carlos Pontes, que fez uma belíssima apresentação. Depois contou com apresentação teatral da Escola Municipal Caio Passos, com uma peça que foi baseado no livro de autoria do citado jornalista, denominado “Cada rua, sua história”. A apresentação foi bastante aplaudida, em função da boa performance dos alunos que fizeram a encenação.
A diretora da Escola Caio Passos, professora Emanuele, solicitou que o Dr. Renato Bacellar, patrono da Escola, falasse sobre a obra jornalista que escreveu o livro, publicado em 1982. Além de discorrer sobre a obra, Renato Bacellar elogiou a iniciativa do prefeito Mão Santa em promover a homenagem, fazendo referências elogiosas também ao colégio das Irmãs, onde estudaram e estudam familiares seus.
O projeto Bate Lata, da Secretaria de Desenvolvimento Social e Cidadania (Sedesc), que leva percussão, cultura regional e reciclagem aos jovens de todos os CRAS de Parnaíba, também estiveram presente na solenidade, fazendo apresentação.
A Cia. de Balé da Cidade de Parnaíba finalizou a homenagem com espetáculo “Os 4 elementos” que mostra a importância de preservar as riquezas do planeta como a terra, água, ar e o fogo. Os cuidados que se deve ter para que as próximas gerações possam usufruir dessas riquezas naturais.
Texto: Camila Neto/Bernardo Silva – Fotos: Camila Neto

Related Posts

Uma noite de arte e cultura celebrou no Teatro Municipal os 112 anos do Colégio das Irmã
4/ 5
Oleh

Subscribe via email

Like the post above? Please subscribe to the latest posts directly via email.

Featured

Comments