terça-feira, 1 de outubro de 2019

Juiz manda soltar mulher presa com droga em presídio de Parnaíba

A decisão é do juiz Carlos Augusto Arantes Júnior, da Vara de Núcleo de Plantão de Parnaíba, dada neste domingo (29).
Juiz Carlos Augusto Arantes Júnior, da Vara de Núcleo de Plantão de Parnaíba
O juiz Carlos Augusto Arantes Júnior, da Vara de Núcleo de Plantão de Parnaíba, concedeu liberdade provisória para Áurea Maria Costa Alves, presa após tentar entrar com drogas nas partes íntimas dentro da Penitenciária Mista de Parnaíba, no litoral do estado. A decisão é deste domingo (29).
Nos autos, o magistrado apontou que a acusada não apresenta periculosidade e devido a isso não há necessidade da decretação da prisão preventiva. Foi então concedida liberdade provisória com medidas cautelares.
“Não vejo nos autos, neste momento, qualquer circunstância que reclame a decretação da cautela preventiva da autuada, mormente considerando sua residência fixa e ausência de maus antecedentes, preenchendo, portanto, requisitos exigidos em lei para auferir o benefício da liberdade provisória independentemente do pagamento de fiança”, destacou nos autos.
Ainda conforme os autos, a acusada está proibida de se ausentar de Parnaíba por mais de oito dias, proibida de mudar de endereço sem avisar a comarca e deve comunicar suas atividades realizadas a cada 30 dias, além de comparecer sempre que for intimada para atos do inquérito policial.
Entenda o caso
Áurea Maria Costa Alves foi presa após tentar entrar com droga nas partes íntimas dentro da Penitenciária Mista de Parnaíba, na manhã de sábado (28). De acordo com Kleiton Holanda, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (SINPOLJUSPI), a acusada estava visitando seu companheiro, o detento Francisco David Alves Silva e tentou entrar no presídio com 150 gramas de maconha em suas partes íntimas. Áurea Maria foi flagrada após realizar exame de raio-x no Hospital Dirceu Arcoverde. O presidente do sindicato explicou que com a reorganização do presídio, os visitantes que são considerados suspeitos são encaminhados ao HEDA para realizarem o exame de raio-x.
Por Davi Fernandes/GP1

Related Posts

Juiz manda soltar mulher presa com droga em presídio de Parnaíba
4/ 5
Oleh

Subscribe via email

Like the post above? Please subscribe to the latest posts directly via email.

Featured

Comments