segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Marinha sobrevoa Litoral do Piauí e navio passa a monitorar manchas de óleo no estado


Segundo a Capitania dos Portos do Piauí, desde o dia 30 de setembro, quando houve o aparecimento das últimas manchas de óleo no estado, não foram registradas mais incidências.
Por Lucas Marreiros, G1 PI
Marinha sobrevoa Litoral do Piauí à procura de manchas de óleo
Uma aeronave da Marinha do Brasil sobrevoou o Litoral do Piauí nesse domingo (10) à procura de novas manchas de óleo. De acordo com o capitão de fragata Dante Duarte, a presença da substância não foi encontrada na área sobrevoada. A partir desta segunda-feira (11), um navio patrulha passa a monitorar a costa piauiense.
“Estamos com apoio de duas aeronaves sob o comando da Capitania dos Portos do Maranhão, que realizam atividades de voo em proveito da operação. Ontem foi realizado um voo sobre o nosso litoral com pontos de interesse e nada foi observado com presença de óleo”, informou o capitão dos portos do Piauí.

Aeronave da Marinha do Brasil sobrevoou o Litoral do Piauí nesse domingo (10) à procura de novas manchas de óleo — Foto: Divulgação/Capitania dos Portos do Piauí
O comandante afirmou que desde o dia 30 de setembro, quando houve o aparecimento das últimas manchas de óleo no estado, não foram registradas mais incidências. Segundo a Capitania dos Portos do Piauí, das dezesseis praias do estado, sete foram afetadas. “Atualmente, essas sete estão limpas”, disse o capitão Duarte.
A Marinha passa, a partir desta segunda (11), a monitorar o litoral do Piauí com um navio patrulha. “Estamos assumindo o controle operacional do navio patrulha Guarujá, que foi cedido à capitania para realização de levantamento permanente da nossa costa sobre a presença de óleo na superfície e eventual coleta, se for preciso”, disse o comandante.

 Navio patrulha passa a monitorar a costa piauiense à procura de manchas de óleo — Foto: Divulgação/Capitania dos Portos do Piauí
Apoio da população
O capitão dos portos do Piauí pede apoio da população no caso de identificação da presença de óleo. “As pessoas podem entrar em contato com o número 185 e informar a localização para que as autoridades possam agir”, informou.
O comandante informou ainda que a capitania vai receber um reforço operacional. “Estamos recebendo essa semana um destacamento de fuzileiros navais vindos de Belém. O Exército Brasileiro também está à disposição em caso de necessidade”, afirmou.
No Piauí, além da Marinha, a situação tem sido monitorada pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semar), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), pelas prefeituras dos municípios litorâneos e pelo Corpo de Bombeiros.

Related Posts

Marinha sobrevoa Litoral do Piauí e navio passa a monitorar manchas de óleo no estado
4/ 5
Oleh

Subscribe via email

Like the post above? Please subscribe to the latest posts directly via email.

Featured

Comments