domingo, 26 de janeiro de 2020

Por que a ZPE de Parnaíba não deslancha?





A Zona de Processamento de Exportação (ZPE) de Parnaíba foi criada pelo Decretonº 97.406, de 22 de dezembro de 1988, pelo presidente José Sarney e recriada pelo Decretode 30 de junho de 2010 (sem número), publicado no Diário Oficial da União, edição nº 124, em 1º de julho de 2010 pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Quase 32 anos depois de sua criação a ZPE de Parnaíba ainda não deslanchou. Atualmente conta apenas com duas indústrias e acredita-se que o motivo principal de não atrair investidores é a falta de infraestrutura viária para escoar a produção e receber matéria prima para industrialização. 
A ZPE de Parnaíba está localiza numa região sem estrutura portuária, aquaviária e ferroviária que seriam importantes para reduzir custos deixando os produtos competitivos nos grandes mercados consumidores e isto afasta empresários que buscam outras ZPE`s que disponham desta infraestrutura tão necessária, é o caso da ZPE do Pecém que fica ao lado de um porto marítimo, uma ferrovia e um aeroporto com voos diários para qualquer parte do mundo. Nem vamos falar do modal dutoviário que também não dispomos, até porque nada produzimos que justificasse.
As empresas que se dispõem a se instalar na ZPE de Parnaíba vem em busca da matéria prima abundante na nossa região para reduzir custos do transporte, a exemplo da cera de carnaúba que a matéria prima, a palha de carnaúba, é volumosa e o produto final, a cera, é pequeno. Outro atrativo seria a industrialização de frutas oriundas dos Tabuleiros Litorâneos, mas este também ainda não deslanchou.
Perceba que até mesmo matéria prima que são abundantes na região, como o coco babaçu, tucum e castanha e que foram importantes para as indústrias de Parnaíba no passado tendo o rio Parnaíba como principal meio de transporte para receber essas matérias prima, mas com a melhoria das estradas estas indústrias ou faliram ou se mudaram para outros locais com melhores condições de escoamento da produção. Isto explica o fim de empresas como a PVP, Moraes S/A, dentre outras que perderam competitividade de seus produtos que chegavam mais caro nos grandes centros consumidores.
Privatização ou Parceria Público Privada resolve?
Como a ZPE de Parnaíba está praticamente inviabilizada por falta infraestrutura viária, apesar de reconhecer o esforço dos governadores, atual e anteriores, pelos motivos expostos o governo deverá encontrar dificuldades para convencer uma empresa que queira fazer uma Parceria Público Privada, apontando pra um futuro sombrio.
Por: José Wilson | Jornal da Parnaíba

Related Posts

Por que a ZPE de Parnaíba não deslancha?
4/ 5
Oleh

Subscribe via email

Like the post above? Please subscribe to the latest posts directly via email.

Featured

Comments