terça-feira, 14 de novembro de 2017

Fábio Abreu fala sobre prisões na Operação Polícia Civil 24h

 A operação visa a prevenção de crimes durante as festividades de fim de ano.
Em continuidade a Operação Polícia Civil 24h, policiais realizam no período da tarde, a partir das 15h desta terça-feira (14), fiscalizações e bloqueios de acesso a motoristas em diversos pontos da cidade, sob a supervisão dos Delegados Lucy Keiko e Francisco Rodrigues.
E a partir das 19h da noite, policiais civis se concentram na Delegacia Geral de Polícia Civil para início dos trabalhos relacionados a vistorias em locais de vulnerabilidade, onde há presença de menores com bebidas alcóolicas, ocasião em que o Conselho Tutelar se fará presente, além de fiscalização com equipes da Delegacia de Direitos Humanos, Delegacia de Meio Ambiente e divulgação do aplicativo Salve Maria, no combate a violência doméstica. 
Prisões efetuadas em Picos (Crédito: Secretaria de Segurança)
Operação Polícia Civil 24 prende 46 pessoas
A Operação Polícia Civil 24h foi deflagrada na madrugada desta terça-feira (14) pela Secretaria de Segurança Pública do Estado, resultando na prisão de 46 pessoas. A operação visa a prevenção de crimes durante as festividades de fim de ano e conta com o apoio das Polícias Militar e Rodoviária Federal e participação de 500 policiais civis de 12 Delegacias Regionais, 25 Distritos Policiais e 15 Especializadas, dando cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão. 
Secretário Fábio Abreu (Crédito: Rede Meio Norte)As ações se concentraram na capital Teresina, Altos, José de Freitas e nas 12 delegacias regionais. Para o secretário de Segurança Pública, capitão Fábio Abreu, a operação é resultado da intensa dedicação dos policiais e contribui, segundo ele, para diminuição da criminalidade no final do ano.
“Principalmente para o final do ano, quando nós temos o crime mais praticado de roubo e furto. Esses indivíduos normalmente têm mandado de prisão em aberto, então nosso objetivo até o final do ano é dar cumprimento a esses mandados de prisão que estão em aberto e logicamente que novas solicitações serão feitas pelas delegacias”, destacou.
Fábio Abreu ressalta que o sucesso da Operação ocorre por acontecer simultaneamente na capital e no interior e devido ao reforço das delegacias regionais.
“E por isso a importância de nós utilizarmos as delegacias regionais para fazer essa operação ao mesmo tempo, ou seja, estavam acontecendo ações aqui em Teresina e também estava acontecendo nas principais regionais do Piauí. Nós buscamos fazer essas ações ao mesmo tempo com esse policiamento, principalmente por parte da Polícia Civil e com o apoio da Polícia Militar, Polícia Rodoviária, além de outras instituições como o poder judiciário. Quem autoria através desses mandados de prisão, é o Ministério Público”, afirmou.
“Nós também vamos trabalhar na parte preventiva. Nesse primeiro momento cumprimos esses mandados, e partir daí ações preventivas também com o objetivo de identificar qualquer tipo de delito ou qualquer material que venha configurar crime”, disse.
Segundo o delegado-geral da Polícia Civil do Piauí, Riedel Batista, mais prisões devem acontecer até amanhã. “Houve o início [da operação] hoje pela madrugada e durante todo o dia, a orientação do secretário de Segurança [Fábio Abreu] é que se dê cumprimento a maior quantidade de mandados de busca e apreensão possível, e também a maior apreensão de drogas e de armas”, afirmou.
Delegado Riedel Batista (Crédito: Rede Meio Norte)
Além do trabalho repressivo, nós vamos fazer também trabalho educativo de barreiras, fiscalização com orientações durante a tarde e a noite, não só no interior, mas também na capital”, acrescentou.
O Gerente de Polícia Interior, delegado Everton Férrer, destacou a importância das apreensões. “Além das prisões, desse número bastante positivo, temos apreensões de veículos com restrições de roubo e furto, sendo que em Uruçuí, região de Sebastião Leal foram 26. Nós tivemos várias abordagens, apreensões. Ontem a delegacia de Uruçuí fez uma ação preventiva em cima disso, como tivemos no ano passado prisões referentes ao roubo de defensivos agrícolas. É uma região que precisava desse tipo de ação. E nós também tivemos apreensão de três armas, bastante entorpecentes e dinheiro, munição. A tendencia é que esses números cresçam e nós faremos o balanço geral amanhã”, afirmou.
Delegado Everton Férrer (Crédito: Rede Meio Norte)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...