MPPI lança campanha de combate à poluição sonora em Parnaíba



Com o intuito de combater a poluição sonora no município de Parnaíba, o Ministério Público do Estado do Piauí(MPPI) lançou a campanha “Abaixa o Som”. A campanha, coordenada pelo promotor de Justiça Cristiano Peixoto, é realizada pela 2ª Promotoria de Justiça de Parnaíba.
“A diversão de alguém não pode causar transtornos ao demais, especialmente, quanto à emissão de ruídos, por meio de quaisquer aparelhos sonoros. O sossego público deve ser respeitado em qualquer horário. Na verdade, não importa o momento do dia, e, sim, o limite de decibéis do ruído”, esclarece.
A Lei Municipal n° 2.811/2013 dispõe sobre o controle de ruídos, sons e vibrações, fixando níveis e horários no município de Parnaíba. No período diurno, o limite máximo permitido é de 70 decibéis. No período vespertino, 60 decibéis; e, no período noturno, 50 decibéis até às 23 h59 (vinte e três horas e cinquenta e nove minutos), e 45 decibéis, a partir da meia noite.
Poluição sonora é crime ambiental com pena de reclusão entre 1 e 4 anos, mais pagamento de multa. Perturbação do sossego alheio: contravenção penal, com restrição de liberdade que pode durar até três meses, e também com previsão de sanção pecuniária. Esses são dois ilícitos que, além de causarem prejuízos ao meio ambiente, podem acarretar, de maneira severa, danos à saúde humana.
Outro objetivo dessa iniciativa é evitar danos à saúde humana. Estudos mostram que, dentre outras coisas, o som alto pode acarretar na perda progressiva e irreversível da audição, dores de cabeça, falta de concentração no ambiente escolar e de trabalho e estresse.
Coordenadoria de Comunicação Social
Ministério Público do Estado do Piauí MP-PI
Share on Google Plus

About Cleidiomar Sousa

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

Comments

Featured